Raquel Bazetto Consultoria de Imagem e Estilo
Minimalismo. Estilo Minimalista

Raquel Bazetto

Minimalismo: Como vestir-se neste estilo?

Você sabe o que é o minimalismo? Hoje eu vou te contar um pouquinho sobre como ele pode fazer parte do seu estilo.

Inicialmente, o minimalismo referia-se a movimentos artísticos que ocorreram no século XX. Eles se baseavam em utilizar o mínimo de elementos estruturais como forma de comunicação e expressão. 

Com o passar do tempo, esse conceito foi sendo incorporado a outras áreas, incluindo a moda. 

O estilista espanhol Cristóbal Balenciaga deve ter sido o pioneiro, nos anos de 1950, e ficou conhecido como o “arquiteto da costura”, por priorizar nas suas criações a praticidade, característica marcante do minimalismo. Nos anos 90, com a sua estética simples que valoriza o corte e a qualidade do tecido, foi a vez de Jil Sander se destacar com o estilo minimalista, status que a marca mantém até hoje. O brasileiro Francisco Costa, durante o tempo que ficou à frente da Calvin Klein, mostrou a elegância sóbria e sem exageros, universo tipicamente minimalista.

Considerado um estilo de vida, o minimalismo está relacionado com escolhas conscientes. Diz respeito a refletir, selecionar e remover o que não é essencial da sua vida. Essa é uma explicação um tanto simples para algo maior e que eu não tenho autoridade para me aprofundar. Portanto, nesse post eu vou falar do minimalismo estético, relacionado a forma de se vestir, o que vou chamar de estilo minimalista, ok?

Menos é mais 

Minimalismo não tem a ver com números, não existe nenhum manual que diz que você tem que ter 20 ou 50 peças no seu armário. Quem define o que é essencial na sua vida é você, mas é certo que todo consumo exacerbado deve ser evitado. 

O estilo minimalista prioriza a qualidade e não a quantidade. A escolha é pautada pela versatilidade, matéria prima de qualidade, bons acabamentos e caimentos perfeitos. 

As peças minimalistas são criadas com foco na funcionalidade, possuem poucos ou nenhum adorno, a modelagem é simples e a paleta de cores é reduzida. Geralmente, as cores mais usadas são neutras como o cinza, branco, preto, bege, marrom e azul marinho. 

As estampas são clássicas e discretas como as listras, poá e xadrez. Os sapatos são versáteis que possam casar tanto com uma saia plissada ou com uma calça jeans.

Os acessórios são finos e leves e usados de maneira pontual. 

Do seu jeito

Eu vivo repetindo que estilo é algo extremamente pessoal, e é preciso se conhecer profundamente para comunicá-lo. De nada adianta querer se encaixar em um determinado estilo se ele não te representa. Seu estilo é uma mistura de preferências e experiências. É uma história que só você pode contar.

E por que que eu estou falando isso? Para que você compreenda que é possível adotar uma linha minimalista sem mudar completamente seu armário.

Se você ainda não tomou consciência do seu estilo mas quer seguir a linha minimalista ao se vestir, o jeito mais prático é selecionar os itens que você mais gosta, os que mais te valorizam e os condizentes com o seu dia a dia. Feito isso, tenha em mente que o look minimalista é composto por peças versáteis, sem muita informação e que possam ser usadas em diferentes combinações. 

Não pense que você precisa fugir das tendências, afinal, ela pode ajudar a identificar alguns elementos de design. É claro que, se você quiser, pode comprar o modelo de blusa que foi desfilada mundo afora e exibida nos editoriais cheios de conceito das revistas. O importante é não comprar só porque “é tendência”. Além de gostar muito (óbvio!), a peça precisa ser usável na sua vida, combinar com pelo menos outras três peças já existentes no seu armário, ter um bom custo benefício e ser durável no sentido literal e subjetivo. Questione-se sobre as chances reais de você continuar usando a peça nas próximas estações antes de comprar. 

Minimalista, sim. Sem graça, nunca!

E se você está imaginando que minimalismo é sinônimo de sem graça, está enganada! Mesmo com o DNA mais básico, o look minimalista pode ser muito elegante e interessante, tudo depende das combinações. Olha só:

Vestido

Começo com uma peça única para provar que não é só com camiseta branca e calça preta que se monta um look minimalista. Os vestidos podem ser excelentes opções! Os de tecidos mais encorpados são ideais para o trabalho, já os de malha ficam melhores para os ambientes informais. Você pode combinar com tênis para um visual mais esportivo, com sandálias rasteiras para day off, ou com bota nos dias mais frios. Os comprimentos podem ser: curto, midi ou longo.

Camisa Branca

A democrática camisa branca. Se eu tivesse que escolher uma única peça para vestir para o resto da minha vida seria uma camisa branca. Ela é capaz de te deixar elegante sem esforço. Você pode escolher uma silhueta que marque mais a cintura ou um shape mais largo. Pode ser combinada com peças de alfaiataria, de couro, com saia, com calça, bermudas e até com shorts, se seu dresscode vida real permite. Enfim, o céu é o limite para a camisa branca (ok, exagerei)!

Saia

Os modelos mais ajustados, de comprimento na altura dos joelhos ou midi, cores neutras e tons opacos são, para mim, as melhores opções para compor um look minimalista com saia. Tente “brincar” com as proporções optando por uma blusa ampla de tricô na parte de cima. Ah, prefere manter a seriedade? Substitua o tricô por uma regata e complemente com um blazer.

Calça jeans

Eu duvido que você não tem uma calça jeans no seu armário! Feita para durar, ela é a definição de versatilidade e faz parte de todos (ou quase todos) os armários. As modelagens retas e lavagens sólidas funcionam melhor para compor o look minimalista. Aqui tem um post bem detalhado falando dela. 

Blazer 

Um blazer bem cortado com tecido de boa qualidade vale o investimento. Por cima do vestido, sob a camisa branca, com a saia reta ou a calça jeans e até mesmo com uma camiseta básica, o blazer é capaz de elevar o grau de importância de qualquer look. Se você não tem nenhum, eu sugiro que o primeiro seja de uma cor neutra ou de uma estampa clássica.

Camiseta

“Uma camiseta e 10 looks” poderia até ser título de post. Falando sério, a camiseta é item fundamental no estilo minimalista. Com jeans, ela traz de imediato um look descomplicado. Com blazer e scarpin cria um look chic.

Por ser considerada tão básica, há quem não leve em consideração a qualidade, preferindo pagar barato em peças que vão durar algumas lavagens. Eu acho que, como toda peça, a qualidade é item indispensável. Por isso escolha com cuidado.

Dependendo do tecido e modelagem escolhidos, ela te acompanha em todos os lugares. As de algodão são duráveis e fáceis de lavar, as de seda são puro luxo, mas exigem cuidados extras por conta do tecido delicado. Uma dica: A Color Me a Season, marca de T-shirst básicas 100% em seda, tem camisetas nas 12 cores das estações sazonais de Coloração Pessoal.

Acessórios

Assim como as roupas, os acessórios minimalistas são simples. Jóias e bijuterias finas e delicadas vão trazer ainda mais discrição para os looks. No pescoço, os colares mais fininhos ficam lindos quando as correntes são duplas ou triplas. Os longos com pingentes geométricos combinam perfeitamente com os looks monocromáticos. Nos dedos, anéis grandes de linhas retas ou vários delicadinhos. Para os brincos vale a mesma “regra”. Nos pulsos, o mix de pulseira com relógio continua, mas com as peças finas para manter a leveza do conjunto. 

Lembre-se: o minimalismo é o conceito de ser simples, mas não menos interessante!

Um beijo e até a próxima. 

Gostou? Compartilhe agora:

Imagem de Serviço Consultoria de Imagem e Estilo. Raquel Bazetto Consultoria de Imagem e Estilo.

Raquel Bazetto

é Consultora de Imagem e Estilo formada pela Dresscode® com Silvana Bianchini, pioneira na consultoria de imagem no Brasil. É especialista em Estilo Pessoal e uso de acessórios.

Uma resposta

  1. Amiiiiii dmais , já adicionei a minha tela inicial pa acessar depois, e com certeza vou criar muito conteúdo com esses conhecimentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vou Falar Com a Raquel

Ao clicar em INICIAR CONVERSA, você será levada para o aplicativo WhatsApp. Caso não tenha este app instalado, retorne e faça o contato pelo formulário que existe no site.

Este site utiliza cookies que possibilitam a identificação de usuários. Ao continuar navegando, você declara estar ciente dessas condições.